Editoria: Helio Fernandes. Subeditoria: Roberto Monteiro Pinho

segunda-feira, 31 de julho de 2017

COMEÇA AGOSTO, COM O DIA 2 REPETIDO

HELIO FERNANDES

Acaba o recesso do Legislativo e do Judiciário. A Câmara já havia fixado com antecedência o dia 2 para o seu julgamento mais importante e até agora inédito na Republica: o que fazer com o presidente confessadamente corrupto, não apenas PASSIVA, mas também ATIVAMENTE.

Antes dessa questão, o AINDA vice, durante 14 meses respondeu por um processo de cassação de mandato. Como teve sucesso com a proteção do ministro sem toga, Gilmar Mendes, não foi cassado. Vitorioso em parceria com o corruptissimo Eduardo Cunha, já não era mais vice acoplado com a candidata a presidente, e sim presidente sem voto, sem povo, sem urna.

Absolvido da cassação, uma das maiores vergonhas da nossa Historia, foi investigado, denunciado por excesso de corrupção varias vezes, muitas vezes. Beneficiado na omissão de todos os crimes teve ainda outro beneficio, na interpretação do próprio Supremo. Este determinou: "Presidentes eleitos pelo SUFRAGIO POPULAR, para serem julgados, precisam de autorização da Câmara".

Esse equívoco permitiu que Temer desperdiçasse 15 bilhões em emendas parlamentares, usando o dinheiro do contribuinte para comprar os 172 votos necessários para escapar, perdão, fugir da condenação obrigatória. E mais grave: apesar de marcado com quase 1 mês de antecedência, é bem possível que o julgamento de amanhã não aconteça.

(Temer aparenta tal confiança, que ante ontem, falando sobre a permanência das Forças Armadas no Rio, garantiu: "Elas iriam ficar até 31 de dezembro de 2017, estou pensando em prorrogar até o fim do meu mandato, 31 de dezembro de 2018").

O 2 DE AGOSTO DO SUPREMO

Antes do final do recesso, deputados entraram com recurso no Supremo, arguindo a clara, visível e irrefutável inconstitucionalidade do aumento de impostos. Para não perder tempo, a presidente Carmen Lucia sorteou o relator do recurso(será a Ministra Rosa Weber), e colocou na pauta da primeira sessão, que caiu em outro dia 2, amanhã. 

È uma questão importantíssima, essa do presidente da Republica, poder aumentar impostos por decreto. Sem isso, os cidadãos já precisam trabalhar 153 dias por ano para pagar impostos. E os poderosos devorarem seu dinheiro. E outros 153 dias, para se manterem o ano inteiro.

Esse julgamento não pode ser adiado, e ninguém pode pedir vista. È a sobrevivência do Supremo que está em jogo, diante da comunidade.

VENEZUELA: A FARSA DA CONSTITUINTE

13 horas no Rio, 11 em Caracas, nenhum avanço na apuração. Complicação e nenhuma explicação. Cresce a repressão contra a opressão das forças armadas contra o povo. Do mundo todo surgem protestos os mais variados.

A Europa inteira (UE), 27 países, têm estado em  contato, e marcaram uma reunião para hoje, no máximo amanhã. Motivo: protesto coletivo contra as intenções ditatoriais do governo Maduro. Será importantíssimo. 

OS ELEITORES CONTRA TEMER, DEPUTADOS CORRUPTOS,A FAVOR

O Ibope fez uma pesquisa a respeito da votação do dia 2. De cada 10 ouvidos, 8 condenariam o presidente também corrupto. Isso corresponde totalmente á consulta do Datafolha: o presidente corrupto, só tem 5% de popularidade.

Isso você confirma conversando com qualquer pessoa. Mas a  representatividade brasileira é tão depravada, degradada, desmoralizada, que são raríssimos os que acreditam que a Câmara dará autorização para investigar Temer. Simplesmente investigara.

MP QUER AUMENTAR A PENA DE LULA

È um direito do MP, mas fizeram tudo errado, como registrei quando recorreram.

1-Tinham que pedir á instancia superior, em Porto Alegre. 2-Moro já não tinha mais nada com esse processo. 3- Tinham que justificar o pedido, em vez de alegar: "O senhor conhecerá nossas razões, quando reabrir o processo". Tolice.

4- Sergio Moro não podia reabrir e não reabriu. 5- O MP levou mais de 1 mês, e aí  recorreu á instancia competente. 6- Que agora tem 3 alternativas:manter os 9 anos, aumentar a pena, ou absolver o ex-presidente. 7- Sem nenhum prazo para decidir. 

VENEZUELA TIRANIZADA

Ontem á noite informaram. 8 milhões intimidados, ameaçados, emparedados, aprovaram a farsa da constituinte de Maduro. Agora é que vão sofrer, com centenas de presos políticos, se transformando em milhares.

Se não fosse uma violência verbal, poderiamos identificar como "ditadura democrática".È a Turquia se expressando em castelhano.

PS – Nova ainda, com menos de dois anos de fundação a Associação Nacional e Internacional de Imprensa - ANI, presidida pelo jornalista Roberto Monteiro Pinho, nosso subedItor da Tribuna Online, decolou firme e forte. Promove a partir do dia 2 de agosto (amanhã), a III Mostra Nacional - ANI de Fotografias sobre Direitos Humanos.

PS1 - A primeira aconteceu no inicio do ano na Galeria da Livraria Cultura no Centro do Rio de Janeiro. A segunda (dia 2 de agosto) abre a III Mostra na subseção da OAB de Niterói – Rio de Janeiro.

PS2- Visitada por milhares de admiradores, os dois eventos com a obra reúne fotógrafos profissionais e amadores da ANI. No dia 7 de agosto inicia a sua IV Mostra na Universidade FACHA, uma das mais conceituada no ensino da comunicação. A Mostra é gratuita, e se destaca pelas fortes imagens sobre os direitos humanos e por essa razão merece ser conferida.


DE SARNEY A TEMER, O BRASIL SOFREU A MAIOR VIOLAÇÃO DO SEU PATRIMÔNIO MATERIAL, FINANCEIRO E MORAL. OS VILÕES,SÃO  GOVERNOS E MAIS GOVERNOS DESASTRADOS, CORRUPTOS E DO PIOR NÍVEL NA HISTÓRIA DA REPÚBLICA. O GOLPE DE 64, NÃO APENAS VIOLENTOU A DEMOCRACIA, MAS TAMBÉM FECUNDOU OS VERMES QUE SEMPRE DETONARAM E DETONAM O BRASIL. E NO PASSADO,  DESDE QUANDO ERA COLÔNIA. MAIS: BENDINE TINHA BLINDAGEM E AGORA DETONOU DILMA E TEMER
ROBERTO MONTEIRO PINHO
Os governos de maneira geral, na tentativa de conseguir votos para barrar a denúncias contra os presidentes da República e parlamentares gastam milhões para liberar emendas para deputados.
Nos governos de Collor, FHC, Lula, Dilma o quadro foi esse. E no governo Temer acontece exatamente assim, nunca foi diferente, eis que todos estiveram envolvidos em situação de corrupção e desmandos públicos. O que nos deixa indignados é o cinismo do Lula, achar que o brasileiro é um idiota sob controle do PT.
Vale lembrar que Collor e Dilma, no extremo dessa situação caótica, (o primeiro tendo renunciado para evitar o impeachment) e Dilma, rancorosa, turrona e destrambelhada, na tentativa de levar ao extrema a sua endêmica situação política, foi afastada através do impeachment.
Neste momento, em que dois terços da Câmara estão na vala da corrupção que assola o país, o quadro na é diferente. Difere tão somente no montante da operação “abafa”, protagonizada pelo governo do presidente Michel Temer.
Nessa maré de corrupção que assola o Brasil, existe extrema e estreita cumplicidade de todos, é um grande ACORDO, com cartas marcadas onde cada um pegou seu filão. A farra nas estatais, no BNDES e outras empresas públicas, compõem um elenco de mais de uma centena de empresas e negócios, onde a Odebrecht ocupa o topo da corrupção, investigada pela operação Lava Jato, tendo como figura central os seus executivos e o “chefão”, seu presidente Marcelo Odebrecht
Os personagens que protagonizaram esse tsunami de lama e sujeira, sequer se preocuparam em blindar suas ações. Lula, Temer, Dilma, FHC e outros, no cinismo de suas negativas, deixaram um rastro de irregularidades, o suficiente para ter anos e anos de cadeia. Não menos outros políticos, foram flagrados com bilhões em suas contas no exterior.
Lula e seus colaboradores no g9iverno, não eram piores que o próprio.  Eis que segundo o Ministério Público Federal, na véspera de assumir a presidência da estatal, em 6 de fevereiro de 2015, Aldemir Bendine e um de seus operadores financeiros solicitaram propina aos executivos Marcelo Odebrecht e Fernando Reis, da Odebrecht.
O pedido teria sido feito para que o grupo empresarial Odebrecht não fosse prejudicado na Petrobrás e em relação às conseqüências da Lava Jato.
Agora temos de forma explícita mais uma denúncia apurada, pelo Ministério Público Federal (MPF), assim concluindo seu relatório onde revela indícios que Aldemir Bendine, que foi presidente do Banco do Brasil do governo Lula e da Petrobras do governo Dilma é um criminoso de longa data.  Documentos juntados na apuração confirmam seu relato sobre a reunião, em Brasília, em que houve o acerto de propina com Aldemir Bendine e Marcelo Odebrecht na casa do publicitário André Gustavo.

Eu foco aqui nossa matéria, porque o Ministério Público Federal confirmou que o ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobrás Aldemir Bendine e seu suposto operador André Gustavo Vieira da Silva, presos pela Operação Lava Jato no dia 27 de julho, cuidavam muito para evitar eventuais interceptações das comunicações entre eles.

Para isso, usavam um eficiente aplicativo- o Wickr e, após as conversas que travavam, destruíam as mensagens a cada 4 minutos, para evitar a utilização como prova de ilícitos praticados.

Nas conversas em que foram efetuadas capturas da tela do celular, uma delas refere-se à licitação promovida pela Petrobrás, por meio do Convite nº 1930344.16.8.
Segundo os investigadores, o “print” efetuado por Aldemir Bendine em conversa com André Gustavo “corrobora os dizeres de Fernando Reis no sentido de que André Gustavo tinha acesso a informações internas, privilegiadas e confidenciais da Petrobrás, fornecidas por Aldemir Bendine”.

O fato é que se Bendine usava esse dispositivo de blindagem, com certeza todos usavam. Dai se conclui: o por que do violento escárnio com o dinheiro público.

domingo, 30 de julho de 2017

A CONSTITUINTE DA VENEZUELA SE REALIZOU

HELIO FERNANDES

Ontem, talvez metade da população terá ido votar. No momento em que escrevo, muita gente, principalmente fora do país, acredita que não haverá eleição. IMPOSSÍVEL. Não ha uma possibilidade em um milhão, disso acontecer.

Quanto aos resultados, considero que o governo obterá maioria, mesmo escassa. Maduro pratica todas as violências e intimidações. Mesmo com 1 voto a mais, Maduro estabelecerá os dois fatos que mais lhe interessam.

1- Fechará o congresso, onde a oposição tem dois terços.

2-Desmarcará a eleição presidencial estabelecida para o ano que vem. Prorroga seu mandato ou governa como presidente de partido único.

3-Fará propostas á oposição, inaceitáveis e indecorosas. Recusadas, usará isso, para hostilizar a oposição, e se engrandecer para o exterior (Estou escrevendo antes da eleição, impossível saber quando se conhecerá o resultado).

MAIA: O GOVERNO NÃO PRECISA DA OPOSIÇÃO PARA ABRIR
A SESSÃO, DIA 2

A declaração complicada, encrencada e intrincada, provocou perplexidade. E varias interpretações. A primeira: como se sabe que para começar votação, são necessários 342 deputados, o governo não está apenas otimista, mas vitorioso.

Para impedir a autorização, precisa de 172 votos. Como tem, segundo o presidente da Câmara, o dobro para iniciar os trabalhos, precisa perder 173 votos, para ficar apenas com 171. Uma das suposições: Maia teria feito acordo com um grupo da oposição, que pretende terminar tudo na quarta feira. 

Realmente a Câmara está totalmente dividida. O próprio governo, que joga com deputados corruptados, está em duvida. Justificativa da oposição para dar número agora: "No segundo pedido do Supremo, Temer não terá ou teria votos comprados ou de aliados".

 Faltam 48 horas. Nesse clima e com esses personagens, tudo pode acontecer.
  
DESEMPREGO

Desde 2014, é a primeira queda. Temer assumiu em 12 de maio de 2016, depois da conspiração parlamentar. Eram 12 milhões e 400 mil empregados. O numero foi aumentando, chegou a um total redondo e oficial: 14 milhões. Temer e Meirelles em silencio. Agora foram criadas 500 mil vagas, informais, sem carteira assinada.

Os dois fazem um tremendo estardalhaço. Com todas as restrições sem que se saiba, se é um aumento circunstancial, significa 3,2% a menos no desemprego. È a mais terrível e espantosa crueldade, agora 13 milhões e 500 mil pessoas que no fim de cada mês, não têm o que levar para casa.

Excluídos os famosos ricos que são donos de tudo, praticamente todas as famílias têm gente sem trabalho.

TEMER CONSTITUCIONALISTA, DILACEROU A CONSTITUIÇAO

Ele sabia muito bem que um presidente não pode aumentar impostos por decreto. Tem que ser por projeto de lei, aprovado pelo Legislativo. E só pode entrar em vigor 90 dias depois de aprovado. Fez tudo ao contrario.

Assinou o decreto, que entrou em vigor imediatamente. Um advogado com espírito publico, entrou na justiça.Um juiz com a mesma convicção, recebeu, constatou a inconstitucionalidade, suspendeu o aumento. O governo ganhou, o imposto foi validado. Deputados corretos e não corruptos, recorreram ao Supremo.

Está em recesso, mas a presidente Carmen Lucia, para não perder tempo, sorteou o relator. A comunidade está com sorte, caiu para a Ministra Rosa Weber. Pode ser que  entre em pauta no mesmo dia 2, onde ali em frente o presidente bandalheiro, estará sendo julgado, vitorioso por ter comprado antecipadamente deputados indispensáveis, com dinheiro do povo.

Mas é bem possível ou provável que se repita o que  aconteceu na votação do foro privilegiado. O relator Luiz Roberto Barroso deu um voto magistral. Depois do relator, vota o ultimo ministro nomeado, no caso, Alexandre de Moraes. Desperdiçou 1 hora e 40 minutos, não votou, pediu vista, está com o processo até hoje. Ele é bem homem de repetir a indignidade. 

TEMER CONSTITUCIONALISTA,  DILACEROU A CONSTITUIÇÃO

Ele sabia muito bem que um presidente não pode aumentar impostos por decreto.Tem que ser por projeto de lei, aprovado pelo Legislativo. E só pode entrar em vigor 90 dias depois de aprovado.Fez tudo ao contrario.

Assinou o decreto, que entrou em vigor imediatamente. Um advogado com espírito publico, entrou na justiça.Um juiz com a mesma convicção, recebeu, constatou a inconstitucionalidade, suspendeu o aumento. O  governo ganhou, o imposto foi validado.Deputados corretos e não corruptos,recorreram ao Supremo.

Está em recesso, mas a presidente Carmen Lucia, para não perder tempo, sorteou o relator. A comunidade está com sorte, caiu para a Ministra Rosa Weber. Pode ser que  entre em pauta no mesmo dia 2, onde ali em frente o presidente bandalhireiro, estará sendo julgado, vitorioso por ter comprado antecipadamente deputados indispensáveis, com dinheiro do povo.

Mas é bem possível ou provável que se repita o que  aconteceu na votação do foro privilegiado.O relator Luiz Roberto Barroso deu um voto magistral. Depois do relator, vota o ultimo ministro nomeado, no caso, Alexandre de Moraes. Desperdiçou 1 hora e 40 minutos, não votou, pediu vista, está com o processo até hoje. Ele é bem homem de repetir a indignidade. 

AS FORÇAS ARMADAS NO RIO

Está havendo um tremendo equivoco. Estão sendo aplaudidas na orla da zona sul, deviam estar massacrando os bandidos nos morros. O inimigo não está nas ruas, mas o desespero dos moradores é tão grande, a insegurança tão assustadora que todos querem os militares no seu bairro, na praça perto da sua casa, até mesmo no portão de onde moram.Compreensível.

Essa operação militar nem deveria estar acontecendo. Não por desnecessária, mas porque foi vitoriosa ao mesmo tempo em que se instalavam as UPPs. Uma grande ideia inteiramente desperdiçada pela corrupção, a displicência e a negligencia. Ninguém pode esquecer da debandada e a fuga covarde dos bandidos traficantes, derrotados por essas mesmas forças armadas.

Televisões ganharam prêmios internacionais, filmando centenas ou milhares daqueles criminosos, tentando se esconder em qualquer buraco, ou fugindo, se esperava para sempre. Mas a instalação das UPPs foi um fracasso. O próprio governador que teve a ideia, trocou tudo pelo formidável enriquecimento ilícito. E os bandidos voltaram em massa, mais poderosos, mais ferozes, muitas vezes com a cumplicidade dos que deviam combatê-los.

Os militares têm que deixar a orla, e subir os morros, onde estão os inimigos. Como fizeram a alguns anos, massacrando os traficantes criminosos. E expulsa-los, VIVOS ou MORTOS. E cuidar das fronteiras, por onde passa tudo que serve aos bandidos, incluindo armamento pesado, mais poderoso do que o da própria policia.


E os morros, limpos, entregues á administração civil. E aos seus milhões de moradores, gente boa, que se queixam do maior crime que praticam contra eles: PRECONCEITO.
ANÁLISE & POLÍTICA
    “Informação com Liberdade de Expressão”

ROBERTO MONTEIRO PINHO

Quarta - feira “D” de Temer e aliados

Na base do governo, não poucos os que apostam na vitória do presidente Michel Temer na sessão marcada para o dia 2 de agosto (quarta-feira), quando os deputados vão decidir se admitem ou rejeitam a denúncia de corrupção passiva contra o presidente da República. Caso seja admitida, o STF estará autorizado a processar Temer. A denúncia da Procuradoria Geral da União (PGU) se fundamenta nas delações dos executivos do grupo J&F, que controla o frigorífico JBS.
Torcendo por Temer o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, aos “quatro ventos” anunciou, “Temos certeza que vamos rejeitar no plenário, como foi rejeitado na Comissão de Constituição e Justiça, o pedido de abertura de processo crime contra o presidente da República. Isso nós temos absoluta certeza que acontecerá”, disse o ministro ao Portal G1.
A votação
São necessários os votos de 342 dos 513 deputados para que seja autorizada a tramitação da denúncia no Supremo. De acordo com os mapas com votos de deputados feitos por parlamentares da base aliada a Temer, contabiliza cerca de 220 a 250 votos a favor do presidente, Ma é preciso colocar 342 votos no plenário. Uma manobra do governo, fez com que os deputados indecisos ou que votariam a favor da denúncia foram substituídos por parlamentar que se posicionaram contra a acusação.
Parecer de Zveiter foi derrubado
As mudanças para a votação de 2 de agosto são as mesmas que garantiram a vitória dos governistas, com a derrubada do parecer do deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), que recomendava o prosseguimento da acusação.
Marina detona Dilma e Temer.  (...) “são faces da mesma moeda”...
A presidente do partido REDE, Marina Silva, detonou a ex-presidente Dilma Rousseff e o atual presidente da República, Michel temer. A entrevista foi publicada no jornal mineiro O Tempo. Eis o trecho da entrevista:
(...) Dilma (PT) e Temer são faces da mesma moeda, são irmãos siameses. Levaram o país até essa crise juntos, praticaram a corrupção juntos e agora foram absolvidos juntos. Usam os mesmos mecanismos juntos, por exemplo, Michel substituiu parlamentares para ganhar votações nas comissões. Dilma fazia o mesmo. Ele libera emendas parlamentares para manter controle da base, Dilma fazia o mesmo. Venho repetindo que ele não possui credibilidade e legitimidade. É um governo ilegítimo. Se tivesse algum sentimento de responsabilidade com o país, não estaríamos nesta situação. Todos os atalhos que tomam levam o país para o mesmo abismo. E agora temos o primeiro presidente denunciado no Congresso, e precisa ser julgado. É uma situação dramática. O que aconteceu em 2014 foi uma fraude, houve fraude eleitoral. Todos praticaram corrupção grave.
Voto impresso custará R$ 2,5 bi em 2018

A impressão do voto nas urnas eletrônicas em todo o país deverá custar R$ 2,5 bilhões aos cofres públicos nos próximos 10 anos, segundo projeção do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além de criticar os elevados gastos com a troca das atuais urnas eletrônicas por modelos com impressoras, ministros da Corte Eleitoral acreditam que a reprodução em papel provocará uma série de transtornos como o aumento nas filas e no número de equipamentos com defeitos.

O TSE estima que 35 mil urnas do novo modelo — de um total de 600 mil — deverão ser utilizadas em 2018. O equipamento custa US$ 800 (cerca de R$ 2.520), ante US$ 600 (R$ 1.890) do modelo atual.

A blindagem de Bendine

O Ministério Público Federal confirmou que o ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobrás Aldemir Bendine e seu suposto operador André Gustavo Vieira da Silva, presos pela Operação Lava Jato no dia 27 de julho, cuidavam muito para evitar eventuais interceptações das comunicações entre eles. Para isso, usavam um eficiente aplicativo- o Wickr e, após as conversas que travavam, destruíam as mensagens a cada 4 minutos, para evitar a utilização como prova de ilícitos praticados.

Nas conversas em que foram efetuadas capturas da tela do celular, uma delas refere-se à licitação promovida pela Petrobrás, por meio do Convite nº 1930344.16.8. Segundo os investigadores, o “print” efetuado por Aldemir Bendine em conversa com André Gustavo corrobora os dizeres de Fernando Reis no sentido de que André Gustavo tinha acesso a informações internas, privilegiadas e confidenciais da Petrobrás, fornecidas por Aldemir Bendine”.
O fato é que se Bendine usava esse dispositivo de blindagem, com certeza todos usavam. Dai se conclui: o escárnio com o dinheiro público foi muito alem do que se apura.

O que é o Wickr
Wickr (pronuncia-se "wicker") é um aplicativo para Android e iPhone, concebido para ajudar pessoas no envio de mensagens, incluindo fotos e anexos, que são automaticamente deletados a partir de um certo tempo. O objetivo do programa é manter de forma sigilosa e segura a comunicação entre dois indivíduos. Em 15 de janeiro de 2014, Wickr anunciou que está oferecendo $100.000 a qualquer voluntário que encontrar alguma falha significativa no sistema.
Ação pública pede na Justiça a suspensão nas regras do Enem
Paulo Miguel Nagib, procurador do estado de São Paulo, criou a Escola Sem Partido (ESP), entrou com uma ação pública contra os organizadores do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para pedir a suspensão de uma das regras de avaliação da prova.
O ESP discorda do critério que prevê a anulação das redações dos candidatos do Enem que usarem qualquer argumento que desrespeite os Direitos Humanos, disseminando mensagens de ódio ou qualquer tipo de preconceito. Para o movimento, a norma é subjetiva e injusta, já que os conhecimentos da legislação sobre os direitos humanos não é uma exigência do exame.

Ação continua

“O próprio Inep desrespeita os direitos humanos propriamente ditos, uma vez que as liberdades de pensamento e opinião, além de garantidas pela Constituição Federal, estão previstas na Declaração Universal dos Direitos Humanos”, informa o documento que agora está em andamento no Tribunal Regional Federal da 1º Região, em Brasília, depois de ter a liminar indeferida duas vezes.

O mapa da violência no Rio
De acordo com o Instituto de Segurança do Rio (ISP), no mês de junho desse ano, os dados da violência sinalizam acentuado crescimento.  Os casos de Homicídio Doloso – Aumento de 4,3% em relação a junho de 2016 (373 em 2016 – 389 em 2017). Letalidade Violenta (Homicídio Doloso, Latrocínio, Lesão Corporal Seguida de Morte e Homicídio Decorrente de Oposição à Intervenção Policial) – Aumento de 5,9% em relação a junho de 2016 (478 em 2016 – 506 em 2017). Latrocínio – Redução de 7 vítimas em relação a junho de 2016 (25 em 2016 – 18 em 2017). Policiais Civis e Militares Mortos em Serviço – Aumento de uma vítima em relação a junho de 2016 (1 em 2016 – 2 em 2017). Roubo de Veículo - Aumento de 37,6% em relação a junho de 2016 (3.310 em 2016 – 4.553 em 2017).


quinta-feira, 27 de julho de 2017

A INDISPENSÁVEL REFORMA POLÍTICA, QUE JÁ COMEÇA TRAÍDA E ENXOVALHADA

HELIO FERNANDES

A Lava-Jato foi o fato mais importante acontecido no Brasil nos últimos 3 anos. Verdadeira revolução, embora o número de condenados e presos, tenha sido muito menor do que se imagina. E personagens importantes, poderosos, corruptissimos tenham sido presos, e logo depois libertados ou nem condenados.

Tudo isso porque a decadência do judiciário acompanhou a transformação da política em politicalha. E não livrou nem o Executivo. Pela primeira vez na nossa tumultuada Historia, o chefe do Executivo (presidente da Republica)está na iminência de ser investigado. O que só não aconteceu até agora, pela cumplicidade  e corrupção do Legislativo.

E pela interpretação duvidosa e equivocada do próprio Supremo Tribunal. Guardião da Constituição, leu-a de trás pra frente e de cabeça pra baixo, e enquadrou o senhor Michel Temer de forma esdrúxula, dilacerando a Constituição e a sua própria reputação.

Onde a Constituição estabelece que presidentes eleitos pelo SUFRÁGIO POPULAR, para serem investigados, precisam de autorização da Câmara, colocaram DESASTRADAMENTE o atual e AINDA presidente.

Os senhores Ministros do Supremo precisam informar á comunidade, quando e onde aconteceu o SUFRAGIO POPULAR, que vem garantindo a impunidade  de Michel Temer.

Pelo visto, com toda a sua autoridade, o Supremo equiparou a conspiração parlamentar que levou Temer ao poder, ao sagrado SUFRAGIO POPULAR. È um equivoco praticado abertamente, que o próprio Supremo pode eliminar. Nada mais grandioso do que a recuperação e a reabilitação.

O PÓS LAVA-JATO

Essa investigação e a condenação irreversível da maioria das acusados, naturalmente, chegarão ao fim. Havia uma crença que vai se transformando em descrença de vitoria da justiça. Se esvaindo e se deteriorando.

De qualquer maneira, haja o que houver é preciso profunda e indispensável reforma política. A falha e o predomínio da corrupção, é própria dos políticos. Mas com a ajuda do sistema partidário vigente.

PRESIDENCIALISMO PLURI PARTIDARIO

Uma aberração que combato ha 20 anos. Não existe em nenhum país do mundo, um sistema que seja ao mesmo tempo PRESIDENCIALISMO e PARLAMENTARISMO. Criaram uma comissão de reforma política, que para começo de conversa, fez duas propostas barbaridades

1- Adoção do parlamentarismo.

2- Os candidatos não podem ser presos 8 meses antes da eleição. Estou tão revoltado, que paro por aqui. Mas voltarei.

PRISÃO DO EX-PRESIDENTE DO BANCO  DO BRASIL E DA PETROBRAS

Quando Dona Graça foi demitida da Petrobras, por raiva e vingança da amiga Dilma, um nome surgiu unânime e foi logo nomeado: o presidente do BB. alguém lembrou: "O Bendine gosta de facilitar empréstimo para amigas". Não adiantou.

Ontem pela madrugada foi preso. Motivo: recebeu 3 milhões da Odebrecht. Corrupto, irresponsável, audacioso.Em plena investigação.

EDUARDO CUNHA

Surgem cada vez mais acusações irrefutáveis contra ele Nos mais diversos setores. Comprovado: a fortuna que ganhou no Fundo de Previdência da Cedae, é incalculável. De Curitiba dizem que nos próximos 4 meses receberá uma nova condenação.

Isso em relação a ele, pessoalmente. Mas falam também, que o tribunal de Porto Alegre, reformará a decisão de Sergio Moro, que absolveu a mulher dele.

A FORTUNA DE MEIRELLES

Dizem que quando deixou a presidência do Banco de Boston para tentar a carreira política no Brasil, trouxe 217 milhões de reais. Comprou um mandato de deputado, 183 mil votos. Não chegou a tomar posse. No aeroporto de Brasília, conheceu Lula, eleito presidente para o primeiro mandato de Presidente.

Convidado para presidente do Banco Central aceitou logo. Ficou 4 anos, Lula não gostou, não o manteve para o segundo mandato,ficou revoltado.


Mas logo conheceu os Batista, assumiu a presidência do Conselho de Administração da JBS. Falam que ganhou muito mais do que em 30 anos no Banco de Boston. E sem conhecimento da Receita. Nada surpreendente.

quarta-feira, 26 de julho de 2017

NEM 172, NEM 342

HELIO FERNANDES

A corrupção vem se multiplicando, desde que Temer foi á sede da JBS e conheceu um dos Batista e o único dos Meirelles, o pais só foi mergulhando na decadência. Temer era vice, Meirelles o importante presidente do Conselho de Administração da empresa. Os 3 se juntaram criminosamente. 

Isso aconteceu em 2014, na campanha presidencial. O vice foi resolver uma doação de 50 milhões, que estava  sendo disputada por deputados e senadores do PMDB.

Resolveu. Mas não imaginava que Joesley fosse a mina de ouro que se revelou. Estabeleceram uma ligação tão instantânea, que ao se retirar, no fim da tarde, escreveu num papel o numero do seu celular e entregou a ele. E como recompensa, recebeu a intimidade com Meirelles.

(Temer sabia, não podia ignorar. A JBS roubou os Fundos das 4 maiores estatais:Banco do Brasil, Correios, Caixa Econômica, Petrobras. 

Prejuízos para os funcionários de 8 bilhões. Escândalo nacional, um dos Batistas foi preso, só ficou 3 dias. Depositou 1 bilhão,520 milhões para prevenir prejuízos futuros.

O processo está engavetado, não aconteceu nada aos Batistas,embora não fossem, na época, a potencia que são hoje).

A GUERRA NUMÉRICA

Aconteceu tanta coisa, a partir da reeleição de 2014, a posse em 2015, o pedido de cassação de Aécio Neves e o PSDB, o aparecimento do notório Gilmar Mendes, o Ministro sem toga, que chegamos á constatação inédita na Historia: um presidente no limiar de sair do palácio preso.

Isso só não aconteceu até agora, por causa das bandalheiras de Temer e sua TROPA DE CHEQUE. (Royalties para o jornalista José Simão).

No momento, apenas perspectivas e estimativas. A oposição não tem de MANEIRA ALGUMA 342 votos. O governo, apesar dos votos comprados e da terrível cabala de bastidores, não tem de MANEIRA ALGUMA 172 votos. 

Mas isso não é definitivo. Nos 6 dias que faltam para começar a votação , muita coisa vai acontecer. E surpreender.

OUTRO 342 INDISPENSÁVEL

A sessão só pode ser aberta e iniciado o julgamento do presidente corrupto, com esse numero de deputados no plenário. 

E isto é rigorosamente verdadeiro: os lideres dos dois lados não concluíram, se devem ou não devem dar numero para a votação. Depois de anunciados os 342, eles não podem se retirar.

Para terminar por hoje: mesmo que o governo obtenha os 172 votos e a autorização seja negada, é apenas um episodio. No novo pedido do Procurador Geral,é impossível repetir toda a indignidade, a falta de caráter e de credibilidade.

SALÁRIOS DE 30 MIL, E AINDA GANHAM AUMENTO

São os Procuradores da Republica, milhares e milhares. Não tenho nada contra, pessoalmente ou em relação á  categoria. Alguns chegam a receber mais de 33 mil,fiquei na media de 30 mil. E passarão a acumular o aumento de 16 por cento, sobre os 33 mil.

Meu estarrecimento vem daí. 33 ou 30 mil é um salário suntuoso, receberão mais 5 mil, 183 reais. 

Por que só os Procuradores? Mais do que um detalhe, uma realidade inacreditável que vem da Receita Federal.Todo trabalhador, qualquer que seja a profissão, que tenha salário acima de  5 mil e 100 reais, desconta o máximo na fonte, 27,5%.

Trabalha presumidamente para receber 5 mil e 100 reais, deixa com o empregador, para devolver á Receita, 1 mil 280 reais .Para aumentar o total á disposição dos corruptos tipo Temer e da quadrilha dos cumplices, acólitos e apaniguados.  


terça-feira, 25 de julho de 2017

A ROUBALHEIRA NA DITADURA, TOTAL. NOS MAIS DIVERSOS SETORES, INCLUINDO A PETROBRÁS

HELIO FERNANDES

As primeiras  divergências entre os generais, começaram por causa da corrupção. Existiam muitos corretos, até mesmo contra a tortura desvairada, que atingiu o apogeu com o "presidente" Médici. Os protestos contra o desperdício de dinheiro tiveram como alvo o mesmo Médici.

Faraônico, nababesco e perdulário, decidiu construir a rodovia Belém-Brasília, logo denominada como a estrada que "ligaria o nada a coisa alguma". Fortunas desperdiçadas. A seguir, Delfin Netto e Andreazza resolveram fazer a Ponte Rio - Niterói, uma obra útil, mas não  com aquele preço devastador e juro de 14 por cento, da Inglaterra.

Escrevi 6 reportagens, publicadas em 2 meses, com o titulo geral. "A ponte de OURO sobre o MAR de LAMA". Com nomes e sobrenomes, mais prisões. (E lembrando que pouco antes, o governador Lacerda construíra a Cedae, com financiamento dos EUA, de 1 e 5 oitavos, os americanos adoram essas frações anuais).

A PETROBRAS DO "JAPONEZINHO"

Ninguém enriqueceu como ele, que tinha a cobertura e a proteção do próprio Geisel. Nomeado presidente da Petrobras, que tinha a aura e produzia orgulho, com a campanha do “Petróleo é nosso" .Mas o que não existia mesmo era o petróleo, que o japonezinho" comprava com preço varias vezes superfaturado.E esse sobre preço, ia investindo todo no Texas, em petróleo, poço e refinaria. Os filhos foram morar lá, o pai ia de vez em quando, ficava aqui, cuidando dos recursos do  superfaturamento.

Mas surgiram as denuncias, Geisel teve que tirar o "japonezinho" da Petrobras. Só que Geisel, arrogante e audacioso, colocou o "japonezinho”  como Ministro de Ministro de Minas e Energia, ainda mais poderoso, dominando os dois cargos, cada vez mais rico. Shigeaki Ueki, esse o seu nome, continuou investindo no Texas. Mas continuou morando aqui e no Texas.

Esgotado prestigio de Geisel, rompeu s "amarras" com o Brasil, mudou definitivamente para o Texas. Ha mais de 20 anos não vem ao Brasil. Ele e os filhos são os mais ricos do Texas, em poços e refinarias de petróleo, ultrapassando os 2 Bushs, pai e filho, ex-presidentes dos EUA.

Neste momento em que o Brasil vive o ponto mais alto da corrupção com base na Petrobras, podiam incorporar o "japonezinho", o mais rico de todos,inteiramente esquecido ou deslembrado.

O MP QUER AFASTAR, O PRESIDENTE DA CBF

E pouco, mas pode ser o inicio de uma renovação. Deviam ter pedido logo a prisão desse senhor Del Nero, corrupto confesso. Não sai do Brasil com medo de ser preso, não viu nenhum jogo da seleção.

Parabéns ao MP, que ANULOU a reforma do estatuto. Deu todos os poderes a senhores desconhecidos das federações. Excluiu totalmente os clubes. A comunidade do país inteiro, torce, sofre e mantém os clubes. As federações só fazem explorá-lo. 

AUMENTO DE COMBUSTIVEIS

Um juiz Federal  de Brasília, acaba de anular o inacreditável aumento de combustíveis. Não vai demorar, e um outro magistrado (?), tornará sem efeito, a decisão do juiz Federal.

O DITADOR CARRASCO DA TURQUIA

Está completando 1 ano do  que ele chamou de golpe. Pretendia fazer parte da UE, agora os 27 países, nem querem  vê-lo ou ouvir falar nele. Prendeu ou demitiu 150 mil pessoas, fechou mais de 100 empresas de Comunicação.

 E hoje começa o julgamento arbitrário de 51 jornalistas. Apesar de tudo isso, sempre que pode, vai á televisão e não se cansa de repetir: "Duvido que exista no mundo, uma democracia mais autentica e apoiada pelo povo do que a da Turquia".

Outra insistência, que repete como se fosse um slogan: "Todo o golpe foi organizado por um clérigo que vive nos EUA". E pede a sua extradição, nem os EUA nem ele se interessam. Como é que apenas um personagem, ha anos sem sair dos EUA, isolado, pode organizar um golpe e movimentar centenas de milhares de pessoas. E sem o mínimo de resistência, de protesto, de manifestações.

MINISTÉRIO PÚBLICO X SERGIO MORO

AS relações em Curitiba já estiveram muito melhores. Eram quase afáveis,agora  são praticamente conflitantes. Em vários casos. Até mesmo em relação a Lula. Moro condenou o ex-presidente a 9 anos de prisão. Decorrido quase 1 mês,o MP pediu ao juiz para reabrir o processo.Moro recusou, já não tem mais nada a ver com esse processo.

Circularam rumores( registrei)  de que o MP considerava, que não existiam provas irrefutáveis para a  condenação.Mas não recorreram á Quarta Vara Federal. Já haviam surgido divergências nas absolvições da mulher de Eduardo Cunha e da de serginho cabralzinho.

O MP defendia a condenação das duas. Mas não recorreu para a Desembargadoria Federal de Porto Alegre. Só que ontem, terça feira á tarde, o MP pediu a condenação da mulher de serginho. Mas manteve o silencio em relação á mulher do ex-presidente da Câmara. 
Nenhuma divergência no crime de cumplicidade e lavagem de dinheiro, atribuído ás duas. Por que o recurso contra uma e o esquecimento da outra? Chatíssimo: não ha informação.Só rumores ou suspeitas.